Trate bem o garcom!

Veneza, 17 horas, meio-dia no Brasil...
Ciao para todos!!

Agora faltam nove cruzeiros para o meu retorno a casa...
Neste post a coisa ficara um pouco mais literaria, com citacoes e textos que nao sao meus, mas que foram a mim enviados...

Nesta reta quase que final de minha temporada de descoberta/trabalho na europa, iniciarei a postar trechos de escritos que recebi de amigos, a quem pedi que escrevessem em um caderno coisas que eu deveria ler somente quando estivesse, de fato, no barco, a bordo. Infelizmente nao houve tempo para que todos os que eu desejava que escrevessem, pudessem escrever, mas, enfim, tudo ocorreu como teve de ser...

Aqui vai um trecho que diz MUITO sobre esta vidinha que tenho tido aqui. Foi escrito por Clelia, uma amiga que ultrapassa os limites virtuais de blogs e emails trocados. Ela foi muito sabia, como sempre o eh, ao escrever isso:

"...Voce estara sempre rodeado por pessoas, tera de servi-las, acompanha-las, ajuda-las. Mas, eventualmente, sentira solitario. A solidao da privacao de contato com parentes, amigos, sua lingua, sua terra, seu povo, sua cultura, suas coisas...Sentira falta do aconchego, do carinho, do toque de quem vboce quer bem e lhe quer bem tambem. Isto tudo sera doloroso, mas, temporario. Voce tera de superar, para conseguir seu intento. Sera um grande desafio!"

Pois eh sempre assim que me sinto. Antes, sempre que sentia a minha situacao de "tanta gente ao redor e o imenso sentimento de estar soh" vinha acompanhado de muitas lagrimas, mas agora o maximo que faco e dar aquele suspiro preso, acompnhado de um "ai ai...". Se antes, quando havia muitos brasileiros por perto, trabalhando junto comigo, eu me sentia assim, imaginem agora, quando sou o unico brasileiro no bar...
Mas o que me conforta eh que tudo isso eh realmente temporario. Tanto as experiencias pesadas, quanto as experiencias maravilhosas. Tudo passara! E eh preciso estar atento a este tempo correndo, para que nao se tenha perdido tanto, ao final de tudo, para que nao haja arrependimentos.
Clelia ainda enviou uma carta que compoe o livro chamado "Paratii-entre dois polos", de Amyr Klink, um viajante nato, descobridor de mares e de riquezas ao redor do mundo. A carta foi citada por Clelia, pois tinha o mesmo intuito do caderno de mensagens que criei: uma especie de porto seguro para se recorrer em momentos de tormenta, para mostrar que o mundo e a vida reais estao la fora, em terra, onde ha pessoas que sao queridas e que me querem bem. Eh isso...


Bem...aqui as coisas estao sem novidade. O que eh normal quando se tem uma rotina eternamente repetitiva.

Vou escrever sobre coisas que tenho anotado para escrever, mas que sempre me esqueco.

Esta vai para o publico em geral, principalmente quando se esta do outro lado da mesa - o de cliente, o de quem recebe o antedimento. Uma coisa engracada que eh verdade e quem trabalha em restaurante, bar ou qualquer lugar que ha atendimento a cliente no ramo de alimentos/bebida eh o cuidado com a forma com que se trata o garcom. RESPEITE O GARCOM! SEMPRE. Ok, o respeito deveria ser conduta natural e que nao necessitaria de ser pedida assim, mas explico porque esta importancia do respeito e cordialidade com aquele que te atende na mesa.
Gente, aqui no navio, que preza pelo servico de altissima qualidade e padrao, eu ja vi garcom fazer de tudo dentro da pantry. Para se ter uma ideia, uma vez um destes garcons foi destratado em frente de todos no bar. Coisas simples que poderiam ser evitadas se o cliente tivesse um minimo de espirito esportivo, para levar numa boa, como uma piada. Mas nao. Este cliente reclamou que seu cafe nao estava quentissimo o bastante, pelo menos a seu gosto. O garcom tentou explicar que o cafe eh feito em uma maquina e, portanto, seria muito complicado controlar a temperatura da mesma. O cliente reclamou, alto e, por fim, aceitou que outra chicara. O que ele nao soube eh que seu novo cafe veio um pouco diferenciado. O garcom, que sentiu-se injusticado pelo mau tratamento, se encaminhou para a pantry, parte interna do bar, onde o cafe eh feito, enfiou seu dedo no nariz e depois, adivinhem, meteu o dedo na chicara de cafe. E serviu. Preciso dizer algo mais? Detalhe, o cara estava gripado, naquela fase em que tudo eh eliminado no nariz. E ele nao foi o unico. Ja vi de tudo neste sentido, que nao quero e nem preciso comentar, voces podem imaginar. ENTAO: cuidado com o poder do garcom. Trate-o bem, ainda que na ironia, trate-o bem, pois eh ele que pegara seu pedido e o levara ate a mesa.

No restaurante ja vi coisas loucas tambem, quando estou de passagem na cozinha. Coisas como re-utilizar os copinhos onde foram servidos uns docinhos liquidos, de entrada, antes de qualquer refeicao. O bonitinho apenas pega os copos usados, sujos e completa-os de novo, coloca na banmdeja e os serve na hora aos passageiros trajados de roupas chiquerrimas, em plena noite de jantar com o comandante do navio, noite de gala. Pois e. Estes sao os bastidores.

De resto eh isso por enquanto. Nao acredito que haja algo mais a ser colocado aqui, agora. Entao, nos vemos na proxima postagem. Deixo aqui, uma outra mensagem, daquelas que eu so deveria ler a bordo. Ela vem de casa, da Conceicao, minha mae postica, mais verdadeira do que nunca. Por coincidencia ela fala de uma das coisas que mais me impressionam aqui, pelo menos uma vez por mes. Sempre que deixo o bar, vou ate a parte externa do barco para ver como esta o mar, se agitado ou calmo, e as vezes me deparo com a lua cheia, dando do alto uma luz impressionante sobre o mar escuro na noite. A imagem eh hipnotizante. A lua a cobrir com uma luz fortissima, um feixe, uma parte daquele mar escuro. Fico sempre parado, olhando e me alimentando daquela imagem, que ja tentei captar de todas as formas da minha camera digital, mas sem sucesso. Somente os meus olhos o conseguem, mais que a minha lente nada profissional da maquina de foto. Enfim, a mensagem, em meio a frases como "Como dizem, os filhos sao criados para o mundo" e "Que este mundao te receba com todo amor e carinho", ela deixou: "Olhe aquela estrela bem no alto. Eu a coloquei para iluminar todos os seus sonhos. Felicidades." Disse tudo. Lembro-me que li isso a primeira vez quando voltava de um dia super triste, quando fui admirar o ceu de lua cheia e estrelas ao redor. Chorei muito.

Deixo ainda um texto muito conhecido tambem de Amy Klink e que minha amiga Carol Binato transcreveu em sua mesagem a mim:
"Um homem precisa viajar. Por sua conta, nao por meio de historias, imagens, livros ou TV. Precisa de viajar por si, com seus olhos e pes, para entender o que eh seu. Para um dia plantar as suas proprias arvores e dar-lhes valor. Conhecer o frio para desfrutar o calor. E o oposto. Sentir a distancia e o desabrigo, para estar bem sob o proprio teto. Um homem precisa viajar para lugares que nao conhece para quebrar essa arrogancia que nos faz ver o mundo como o imaginamos e nao como simplesmente como eh ou pode ser. Que nos faz professores e doutores do que nao vimos, quando deveriamos ser alunos e simplesmente ir ver."

Eh isso. Espero que as postagens nao sejam chatas para quem le.....enfim...eh o que sinto e o que escrevo...o que vivo aqui....


Beijo a todos.
:-]
Marcadores: , | edit post
13 Responses
  1. ELAINE SANTOS SP Says:

    UOBAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA POSTADO VOU LER HIHIHIHIH.... BJS ELAINE


  2. ELAINE SANTOS SP Says:

    ERA NOVE ENTREI AQUI E NADA AFINAL HOJE E SABADO E DIA DE POST NOVO FICO SEMPRE CONTENTE QUANDO ESCREVE, SOBRE MINHA DATA SE EU FOR ESCREVER AQUI DA UMA CARTA, TANTAS COISAS QUE VOCÊ DISSE PRA MIM ANTES DE EMBARCAR QUE ESTÁ FAZENDO JUS MAIS DEIXA PRA LÁ SE NÃO QUEM CHORA SOU EU..HOJE TUDO MUITO SERENO, MAIS TA ACABANDO... FORÇAS MAIS E MAIS AI PRO CE

    BEIJOS DA SANTISTA SUA ETERNA ADMIRADORA ELAINE


  3. Vanise Says:

    Oi Eli tenho acompanhado sempre o seu blog.
    Os livros do Amyr Klink são maravilhosos, é sempre bom tê-los por perto.
    Eu tb sou fã desse texto que você citou no final do seu post.
    Aproveitando gostaria de lhe desejar uma ótima semana!
    Bjos


  4. Emerson Says:

    Uauu.. amo ler ser blog.. parabens! eu embarco em novembro e to super ansioso desde ja, e detalhe q nao vou fazer temporada no brasil, pra primeiro contrato vou estar perdidinhoo!! hehe vou como bar utility, apesar de nao exigir tanto um iingles fluente vou estar na terra da rainha! ou pego fluencia ou pego fluencia rs..


  5. ELAINE SANTOS SP Says:

    UOBA HJ E SEXTA DIA CHUVOSO EM SANTOS E AMANHA E SABADO E TEM POST NOVO EEEEEEEEE


    BEIJINHUSSSSSSSSSSSSS


  6. piG Says:

    Faaaaaala grande eli!!!
    como tenho acompanhando nos tópicos ai, você está super ancioso para desembarcar acertei ? rsrs
    eu imagino que as saudades devem ser imenssas!
    mas e sobre reembarque como waiter? o que pensa sobre isso ?
    Não sei se você chegou a conhecer o Marco Aurélio por ai ? então vou trabalhar com ele no Victória se nao mudarem meu navio e minha data!

    Eu to na correria aqui no BraZZZIl pra ver se faço com que o tempo passe mais rápido até chegar a bendita data do embarque, mas também to aproveitando horrores! rsrs

    curiosidade eli.. você falou sobre o novo manager italiano/desvio, etc;
    Em torno de quanto tirava-se na temporada brazuca/mediterrânea e quanto você está tirando em torno agora no mediterrâneo/ilhas gregas ?
    Isso deve dar uma desanimada legal no povo ralando no dia a dia.

    Por enquanto é só Mr. Eli! (the book of eli) haha

    PS: Já viu meu nome por ai ? já sabe no lugar de quem eu ou me infiltrar ? rsrs

    Ciao tutti!


  7. eLi Says:

    Elaineeeeee! Estou te devendo uma mensagem e um post!!! DESCULPA!
    Esses dias estao estranhamente corridos. Mas CLARO que nao esqueco de ti, amiga!!! Sempre me surpreendendo! Quao especial foi receber teu cartao pelo correio! Agradecerei melhor depois, pois agora estou a correr!!!
    Beijos querida e nao deixe de passar informacoes sobre voce!!

    Vanise, obrigado pelo acompanhamento! Realmente os livros de Klynk sao cheios de experiencias. Voce le e se envolve de cara: vive a historia com ele.
    obrigado por dedicar um pouco do seu tempo para deixar boas palavras aqui! Beijo e seja sempre bem vinda!

    Emerson! Vai com tudo na ideia! E FOCO, muito foco, se eh isso mesmo que voce quer! Veja tudo, tenha contato com tudo e saiba aprender com tudo! No fim a bagagem sera maior do que somente uma mala de mao!
    Abraco e bons ventos para vc!

    Janio!!! Teu nome nao apareceu aqui ainda...creio que quem vera sera o MArco, com quem por sinal virei amigao desde que chegou! Ele fecha o bar comigo, eu no piso seis e ele no sete. Sempre saimos para dar uma volta pelo barco antes de dormir, para contar sobre o dia e dar muita risada. Como me divirto com ele hehehe
    Sobre as diferencas de salario e mudancas, publiquei tudo aqui, em um ou dois posts antes desse. Nao tenho muito tempo na net agora, desculpa (voce sabera como isso eh). Mas tente dar uma olhada nos textos...eu expliquei la. COmo eu queria poder encontrar voce a bordo, mas isso nao acontecera....ehhehe
    Mas voce tera o MArco que esta se dando muuuuuito bem.
    Abracao e APROVEITE TUDO AIII, para, depois, aproveitar tuuuuuuuuuuuudo aqui! ehehhe
    Se cuida e OTIMOS VENTOS AI!


  8. Carol Binato Says:

    Eliiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    My dear!!!
    Desculpe a minha longa ausência!!!! Me emocinei ao ler seu post e ver q vc mencionou a mensagem do Klink!!! Me emocionei ainda mais ao chegar em casa outro dia e ouvir minha mãe dizer: "Vc recebeu uma correspondência especial hj!" Qdo vi, um cartão postal seu... com uma linda imagem e palavras de saudade!!! Muita coisa mudou em minha vida, principalmente a profissional... Estou trabalhando em SP amigo!!! Taaaaaanta coisa para contar q este post ficará pequeno. Preciso postar sua carta no correio, será q chegará antes de vc voltar??!!! O tempo ultimamente está curtíssimo!!!
    Beijos repleeeeetos de saudades!!!


  9. Kelly Marianne Says:

    Oi Eli. Descobri seu blog hoje e me fartei com todas as informações contidas nele desde o começo. Estou me preparando pra entrar nessa vida louca vida de navio. Tenho umas perguntinhas beeeeestas, mas gostaria que, se possível vc me respondesse. Primeiro é se tem bar "girl"? hehe. Você têm conhecimento de mulheres ocupando esse cargo ou é exclusivamente masculino?
    A expriência aqui fora conta quanto pra conseguir um cargo de bar boy, ou "ajudante de qualquer coisa" no bar? Você já tinha experiência em bar? Na entrevista eles perguntam algo específico sobre bar, como tipos de taças, copos, produtos de limpeza , etc?
    Agradeço desde já se me responder essas questões. Para mim será bem importante.
    No mais, te desejo força e paz pra terminar bem seu contrato e em todo o resto que resolver fazer depois disso. Vc me parece ser um cara muito susse e merecer muita coisa boa.
    Valeu! Paz.


  10. Carol Binato Says:

    Eliiiiiiiiiiiiiiiiii

    Kd vc??!?!!?!?

    Beijão


  11. Vampira Dea Says:

    Poxa que legal! aqui tem tudo o que eu gosto, quero viajar sempre por aqui


  12. eLi Says:

    Carol! Pois é! Li todo o caderninho e chorei muito! Coisa de louco, como CADA PALAVRA falava exatamente o que eu sentia e ou o que eu queria ouvir! Sobre a carta não receberia a tempo mesmo não! Demora demais.

    Kelly
    Tem tudo isso aqui no blog. Postei muita coisa sobre essa questão de não ter experiência e por isso me colocaram para bar boy. Mas uma coisa te digo. Não há não bar girl, pois trata-se de um serviço mais pesado, como carregar peso e tals. Sabe como é. Mas se você tem experiência eles te colocam para assistente bartender. A partir dessa, sim, há vagas femininas. Ou, se não tens experiência, tentarão colocar você para cocktail waitress (conhecida como bar waitress em outros navios). Enfim, a entrevista te dirá. Mas de resto tem informação aqui no blog.

    Beijo a todos, de novo!


  13. eLi Says:

    Oi Vampira!! Que legal MESMO te ver sempre por aqui! De verdade!
    Agora, de volta à terra, vou poder me dedicar à leitura dos meus blogs preferidos, incluindo o teu!
    Beijão!!